3 de jan de 2012

#1 - Sobre o amor


O amor é assim mesmo.
Tem que o ter o tamanho da nossa coragem e não do nosso medo.
O amor tem que ser corajoso para que possa virar para o espelho e dizer para si mesmo com firmeza e nobreza: quero continuar!
Quando o medo é maior que o amor o que resta é resto mesmo. Resto do que foi, medo do que poderia ser. O medo é assim incerto e sem respostas.
Amar é ser corajoso. Amar é admitir para si todos os dias que é amando que se que viver.

Nenhum comentário: