11 de out de 2010

Querências

                                      QUERIA que os dias com sol fossem infinitos (via)

 Enquanto o tempo passa e o ano de 2010 voa levando meus 19 anos e deixando um monte de cicatrizes - mais profundas e dolorosas do que eu poderia ter pensado pra mim um dia - permaneço eu cheia de querências.
Ás vezes querendo desitir. Outras querendo levantar, voar até e levar todos comigo numa onda de fúria e ânimo. Minha querência de não fazer nada nos dias frios me acompanha desde sempre e não é nova, mas devo admitir que agora quase me atrapalha nas minhas obrigações. Eu, tão solar que sou. Queria que um monte de coisas tivessem sido diferentes. Ao mesmo tempo que não, a partir do momento que enxergo que também não teria aprendido a me levantar - embora ainda esteja no meio do caminho- e a enxergar o amor renovado. Minha querência em querer ser eu mesma também aumentou. Me juntei no coro da minha irmã que proclama: " Cada um sabe a dor e a delícia de ser quem se é. "
Minha querência por saber, por amar e ser amada, por me forçar a entender que certas coisas tem que acontecer simplesmente porque serão parte do que somos.
Minha busca por uma mudança que me coloque nos eixos. Minha busca por ser séria sem ser chata e inteligente sem ser afetada. Minha longa busca.
Não caminho sozinha e essa com certeza foi a minha maior descoberta de todos os tempos. Sentir-se acolhida de verdade e parar para pensar em como cada pessoa demonstra carinho por você. São as mais variadas formas e ás vezes somos bem injustos em não perceber ou simplesmente desconsiderar que mesmo a frase mais aparentemente robótica pode estar carregada de preocupação. Minha querência por mais sensibilidade cresce da mesma maneira que meu horizonte se expande. Tenho gostado do meu caminho.
Por isso hoje, minha querência é grande.

P.s.: E hoje faltam exatos dois meses para meu dois ponto zero.

2 comentários:

disse...

Amei, porque me identifiquei muito muito. "Minha querência por saber, por amar e ser amada, por me forçar a entender que certas coisas tem que acontecer simplesmente porque serão parte do que somos. " Perfeito. Que 2011 seja melhor para nós, né? Beijo.

Mel disse...

" Minha busca por ser séria sem ser chata e inteligente sem ser afetada."
Bem vinda ao clube... rs...
Adorei o texto, sempre muito verdadeiro e corajoso.
Eu também sou solar. Eu e meu humor.
beijos, Carol.